sábado, 25 de julho de 2015

Promoção do Costa a CABO



O Costa queria ser cabo. E tanto queria que estava sempre a falar sobre quando seria promovido. Tinha longas conversas com o Tono "Clarim" e o assunto era quase sempre o mesmo.

Depois de muitas conservas que todos ouvíamos entre uns e outros, decidimos então promovê-lo.

Mas promovê-lo a quê?

Como o Costa ajudava na cozinha e sempre que era preciso era ele que ia à lenha (sempre com escolta) e não admitia que ninguém pegasse no serrote ou no machado para serrar ou cortar lenha, resolvemos promover o Costa a CABO DA LENHA!

A cerimónia realizou-se na caserna de baixo e não me recordo se estavam presentes alguns oficiais ou sargentos.

Recordo, isso sim, que no final da cerimónia ouve celebração com direito a vinho (que na verdade era mais água que o dito) e que o garrafão foi-nos oferecido pelo furriel Bouçon.

Este garrafão foi "multiplicado" por 5! E como diz o velho ditado:

"Enquanto houver água, o vinho não acaba!"

Bem haja a todos!

Bom Sábado.


OBS: As divisas do 1º Cabo pertenciam ao António Maio. 

Sem comentários:

Publicar um comentário

A tua opinião é importante! Comenta aqui!